Criadores de Sorrisos

Vamos ajudar a criar Sorrisos! Pequenos gestos fazem grandes sorrisos e todas as mãos podem ajudar, se o coração assim quiser. Esta pagina será um local para oferecer ajudas, receber sugestões, indicar pessoas que necessitam...um local de encontro para as pessoas que queiram ser solidárias, com pequenos gestos e sem propaganda.

A minha fotografia
Nome:
Localização: Funchal, Madeira, Portugal

tenho quase tudo para ser feliz mas ando sempre à procura de qualquer coisa, que não sei o que é.

12.12.07

Roupas de senhora de tamanho grande

Em resposta a uma oferta da Criadora de Sorrisos Yola, colocada no blog em Setembro de 2006, acabamos de receber o pedido de roupas de tamanho grande, destinadas a uma senhora com problemas de obesidade. Aqui fica o endereço e o email da pessoa que nos contactou. Porque não ajudar. A senhora vive no Brasil, mas a solidariedade não conhece fronteiras.

"Meu nome é Márcia,tenho 34 anos e assim que vi o blog de vcs,vi uma luz no fim do túnel.Tenho 34 anos,estou obesa,visto manequim 54 e blusas extra-grandes,calçados 38,só tenho duas mudas de roupas e nem saio mais de casa por conta destes motivos que muito me entristecem mas não me tiram a alegria de viver. Sou evangélica e luto segurando nas mãos do Senhor Jesus Cristo. Peço por favor,se puderem me enviar suas roupas de números grandes,serei muito grata. Meu endereço é Estrada do Magarça,4823 Guaratiba-Rio de Janeiro-RJ CEP 23034-380 BRASIL
Amém. Por favor, me enviem e-mail www.mmellomafe@ibest.com.br"

10.12.07

Ajudar as Crianças da Seara Velha, Curral das Freiras

Recebi este email e decidi de imediato colocá-lo aqui.
Eu conheço a Seara Velha e sei que estas situações acontecem.
Há muitos anos, em pleno Inverno, cruzei-me com uma miuda de oito anos no centro do Curral das Freiras. Reparei nela porque, ao contrário de toda a gente, usava manga curta e tremia de frio. Perguntei-lhe porque não tinha levado o casaco com aquele tempo e nunca me esqueci da expressão dos olhos dela quando me respondeu que não tinha casaco. Perguntei o sítio onde vivia e o nome da mãe e consegui fazer-lhe chegar alguns casacos. Mais tarde visitei a família e levei-lhes outras coisas. Nunca me esqueci da alegria nos olhos daquelas crianças e daquela mãe, que criava quatro filhos sozinha, um deles muito doente. O marido morrera na Levada do Curral.
Isto aconteceu há uns quinze anos, a menina que não tinha casaco é hoje adulta e emigrou.
Tantos anos depois, há situações semelhantes na Seara Velha, Curral das Freiras.
Precisamos ajudar.


"Colegas,

Recentemente e a convite de uma professora, minha conhecida, visitei a escola da "Seara Velha" no Curral das Freiras. Fiquei horrorizada com tantas carências, sabia que na Madeira havia pobreza mas nunca ao ponto de encontrar uma criança de 10 anos a comer castanhas cruas para o almoço (a mãe fugiu, os tios são toxidependentes, a avó é cega e o "ganha pão" da casa é o avô já velhote) ou o caso da Leocadia, 10 anos, muito esperta e despachada. Tem de limpar a casa, fazer o almoço e cuidar dos seus 4 irmãos (pai alcoolico e a mãe sai de manhã, para o trabalho como empregada domestica e só volta à noite).

Nesse dia chovia e fazia imenso frio e para meu espanto pude verificar que a maior parte das crianças não tinham casaco (apenas t-shirt), e inclusivé vi uma criança com as pontas das sapatilhas cortadas por ser de nr. inferior ao seu (já não via tal coisa à muito tempo).

Decidi que iria ajudar estas crianças neste Natal. Falei com o Dr. Rui e ele disponibilizou capas para todos os alunos e um computador de 2ª mão (a escola não tem condições: é velha, fria e não tem pc para as crianças aprenderem).

Agora venho pedir a vossa ajuda. Esta escola + creche tem 70 crianças (desde meses de idade até 10/13 anos), todas com muitas carencias. O que vos peço é que me ajudem a dar a estas crianças um Natal mais feliz .................e sabem como? Tragam-me os brinquedos, roupas e livros que os vossos filhos já não querem, expliquem-lhes que é para meninos muito pobres e tenho a certeza que os cederam de boa vontade. Também se tiverem roupas vossas, posso oferecer aos pais. Tudo e qualquer ajuda é bem vinda............lembrem-se que são crianças Madeirenses e que neste caso podemos e devemos ajudá-las.

Obrigado

Luísa Camacho
Administrative DepartmentMadeira Management Companhia, Lda.t: + 351 (291) 201700f: + 351 (291) 227144

1.12.07

Peditório da Associação Abraço

Este fim-de-semana a Associação Abraço também está a recolher géneros alimentícios e de higiene em vários supermercados da região, nomeadamente: Modelos dos Viveiros, Cancela e Madeira Shopping, e Hiper Sá de São Martinho.
Hoje, um de Dezembro, comemora-se o Dia Mundial de Luta Contra a SIDA. A Associação Abraço apoia há dez anos as crianças e famílias madeirenses afectadas pela doença. Um dos apoios é o fornecimento de refeições quentes diárias e distribuição semanal de géneros alimentícios às famílias.
Vamos todos contribuir. Não fechemos os olhos aos problemas que às vezes parecem ser só dos outros.